A importância da manutenção de bons níveis de flexibilidade nos trabalhadores que executam suas atividades laborais sentados


>




Resumo

Por que as chamadas dores lombares acometem mais aqueles que trabalham na posição sentada? Pesquisadores suspeitam que esse mal tenha uma estreita relação com o encurtamento gradual da musculatura posterior da coxa - os isquiotibiais, que acabam por imobilizarem a articulação do quadril e, como conseqüência, inclinam para frente o segmento lombar da coluna vertebral, imposto pelo uso excessivo da cadeira. Nesse sentido, este trabalho se propôs a avaliar a influência de um Programa de Ginática Laboral específico, poderia trazer para amenizar esse constrangimento de ordem postural.

Este estudo de caso contou com a participação de 10 costureiras da Indústria Têxtil do Município de Dois Vizinhos - Pr. Foram realizados testes de flexibilidade, do tipo sentar e alcançar, antes e após 6 meses do inicio do referido programa. Os resultados comparados estatisticamente (Teste t) mostraram uma significante melhoria na flexibilidade do quadril. Este fato foi reforçado pela diminuição expressiva das queixas de dores lombares, que passaram de 100% para 10%; da mesma forma, verificou-se que o número de atestados médicos com afastamentos caiu de 6 para 2, entre os participantes, após a adoção da Ginástica Laboral pela indústria.

PALAVRAS CHAVES: Postura Sentada Flexibilidade – Ginástica Laboral


Autores: Pedro Ferreira Reis, Antonio Renato Pereira Moro, Leila Amaral Contijo

Texto completo: ARTIGO
Share on Google Plus

About Faça Fisioterapia

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário